quarta-feira, 31 de julho de 2013



"As pessoas perguntam-me « como é que foste lá parar?». o que elas querem mesmo saber é se também correm o risco de lá ir parar. não sei responder à verdadeira pergunta. tudo o que lhes posso dizer é que é fácil."
in vida interrompida de susanna kaysen

porque uma cabeça amiga cedeu enquanto eu chegava à conclusão que alguma coisa não estava bem... como é frágil e ténue a linha que separa o estarmos bem psicologicamente e o não estarmos. eu, nauseada por esta fragilidade penso e não penso no assunto varias vezes desde há um par de horas... sem criar expectativas desejo que tudo passe rápido...


2 comentários:

Naná disse...

:(

Ana Fernandes disse...

por agora já está em casa a recuperar e sobretudo a descansar...